Anuncio!

Por causa do tiroteio em Conneticut, canal Showtime faz alerta ao público antes de exibir ‘Homeland’


O tiroteio que matou 27 pessoas na cidade de Newtown – sobretudo crianças que estudavam na escola fundamental Sandy Hook -, no estado americano de Connecticut, na última sexta-feira, 14 de dezembro, chocou tanto a população americana que muitas emissoras decidiram mudar sua grade de programação.

O canal Syfy preferiu não exibir o drama sobrenatural Haven na noite de sexta-feira, já que o episódio, coincidentemente, abordaria violência na escola. Já a FOX não transmitiu suas animações Family Guy e American Dad Due na noite de ontem, domingo, por possuírem conteúdo que poderia sensibilizar ainda mais o público.
Inadiável mesmo parecia a situação de Homeland, série policial do canal Showtime, que tinha seu final programado também para este domingo. A emissora não quis remarcar a season finale de uma de suas atrações mais aclamadas, que há semanas vinha sendo anunciado como um final intenso da segunda temporada, e transmitiu a história protagonizada estrela por Claire Danes e Damian Lewis.
Ao invés de adiar o desfecho, o canal exibiu uma mensagem de alerta antes do episódio começar. “Devido à tragédia que aconteceu no Connecticut, o programa a seguir pode conter imagens perturbadoras”, dizia o recado, que ainda deixava a critério do espectador se assistiria ao episódio ou não.
Homeland retrata assuntos como serviços secretos na agência CIA e redes terroristas como a al-Qaeda, sendo considerada violenta por parte do público.

Com informações do The Hollywood Reporter / TeleSéries

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.