ELEIÇÕES EUA 2012: Qual é o seriado preferido da Casa Branca? - Líder Séries

ULTIMAS

6 de novembro de 2012

ELEIÇÕES EUA 2012: Qual é o seriado preferido da Casa Branca?


Em Washington D.C., há um lugar onde mora o poder. Uma casa grande, branca e imponente abriga a família mais importante dos Estados Unidos. A cada quatro anos, americanos vão as urnas para votar no presidente dos Estados Unidos, e decidir quem vai morar na Casa Branca.

Lá, além de reuniões e decisões, é lugar também para muita diversão. Bailes, festas, shows, e claro, televisão. Afinal, presidenciais também estão ligados no horário nobre da TV americana. Você sabe quais seriados esses poderosos costumam assistir?

O atual presidente dos Estados Unidos Barack Obama não perde um só episódio do hit da TNT Homeland. Ganhadora de vários prêmios, a série, além de ser uma super produção, pode servir até de “lição de casa” para o querido presidente. Afinal, todos eles se preocupam com as questões de segurança nacional.
Já o seu oponente das eleições, Mitt Romney, ainda não é presidente, e divide a opinião público do seu país. Tido como conservador, é contra o aborto, confessou se preocupar com a porção mais rica da população americana e não aprova o sistema de saúde proposto pelo atual presidente. Mesmo assim, Romney disse ser fã do controverso seriado Modern Family. Será?
O ex-presidente, e também Republicano, Bush é bem menos “moderno” em sua escolha. O texano gostava de ligar a TV para assistir o programa Biography no A&E. Além do jogos do Texas Rangers, é claro. O democrata Bill Clinton, o presidente pop dos anos 1990, adora um drama familiar. Ele não dispensa um só capítulo de Grey’s Anatomy, seriado preferido dele e de sua mulher Hillary.
Antigamente, o passatempo também fazia parte da agenda dos presidentes. Franklin Delano Roosevelt adorava assistir os desenhos do Mickey Mouse nas dependências do casarão. Dizem por aí que quanto o ator Ronald Regan tornou-se presidente, ele gostava tanto do drama Family Ties que se ofereceu para atuar no seriado. Mas como na TV, quem manda mesmo são os showrunners, o presidente ficou de fora da atração.
Seja qual for o resultado nas urnas dos Estados Unidos essa semana, já sabemos que em algum lugar da Casa Branca, a televisão terá um lugar cativo por lá.

Nenhum comentário:

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial