Bones: 8×03: The Gunk in the Garage - Líder Séries

ULTIMAS

6 de outubro de 2012

Bones: 8×03: The Gunk in the Garage




Sweets, um homem de ação. Só que não.
Spoilers Abaixo:
Depois do episódio frio da semana passada, não seria difícil Bones apresentar um episódio mais interessante essa semana. E foi justamente isso que aconteceu. A série apresentou um episódio que, em minha opinião, está para ser um dos melhores da temporada e por quê? Por causa do Sweets!
Gosto muito do Sweets e só não tinha falado dele nas reviews anteriores, pois o personagem não teve lá muito destaque.  Mas sempre gostei dele desde sua primeira aparição lá no início da terceira temporada pelo simples motivo de ser interpretado pelo John Francis Daley (Freaks and Geeks <3). E claro que depois de 5 temporadas o meu amor por ele está ainda maior, e se deixar, ainda vai crescer bastante. Mas vamos falar sobre o episódio em si.
Não me levem a mal, gosto da Daisy, acho divertida, adoro como ela trata o Lancelot e também acho que ela seja uma das mais, senão a mais esforçada dos squints, mas vamos combinar, tem hora que ela irrita. Não sei se é a voz ou a felicidade exagerada, só sei que muitas vezes me pego pensando como que o Sweets consegue aguentar uma garota daquela, mas então eu lembro que ela realmente o ama, que por mais que ela seja irritante, é uma pessoa boa e que os dois são fofos juntos.
Porém, não tão fofos quanto Sweets e Olivia. Juro que não esperava Danielle Parnabaker em Bones, não esperava mesmo, mas isso não me fez gostar menos da surpresa.  Sempre gostei da Danielle, acompanho a moça desde que eu era uma criança desocupada que só sabia assistir Disney Channel e acho legal vê-la fazendo séries adultas agora que ela já não é mais adolescente. E tão boa quanto ela foi a personagem.
Sei que deve ter tido gente que achou a personagem sem graça, sem sal e sem expressão, contudo, para mim isso fez parte. No inicio, Olivia Sparling era séria e queria fazer as coisas do jeito dela, depois ela começa a sorrir e deixar o Sweets comandar, o que acabou levando a uma das mais belas histórias de amor de Bones. Mas sem levar em conta toda a minha paixonite pelo novo casal, espero muito que caso o relacionamento dos dois dê certo, o Sweets não faça nenhuma besteira com a Daisy, afinal, mais apaixonada por ele que ela, só duas dela. E mesmo assim, que não façam nada rápido e radical como Brennan e Booth, que em um episódio não estão juntos e no outro já estão morando na mesma casa. Entretanto, por mais que eu queira, não acho que irão desfazer o relacionamento do Sweets e da Daisy, afinal, os dois já estão juntos há vários anos e possuem uma grande quantidade de fãs.
Aproveitando que falei de Booth e Brennan, mesmo sabendo que no final a Brennan compraria o tal carrinho de bebê magenta, é sempre interessante ver como o caso, ou dessa vez a não promoção, influência na opinião do personagem sobre determinado assunto.  Essa semana o assunto foi o dinheiro, que, como sabemos, é algo que Brennan nunca ligou de gastar por, como o próprio Booth falou, sempre ter muito. Assim como a conversa sobre a fuga no episódio passado, foi bom ver os dois falando sobre a questão financeira de Booth, pois como já disse, querendo ou não, os dois são um casal e a melhor forma de fazer o relacionamento dar certo é conversando sobre essas coisas simples, mas importantes.
Já o caso da semana, foi bem melhor que o do episódio passado, o qual eu nem lembro mais o que aconteceu. Gosto quando as coisas não estão tão óbvias, o que é muito fácil de fazer com gêmeos, uma vez que você pode sempre confundir um com o outro, trocar identidades, trocar esposas e afins.  No final das contas, gostei da resolução do caso que mesmo conseguindo me confundir, não foi algo tão complexo assim e serviu para tocar na vida dos nossos protagonistas.
No mais, é esperar pela próxima semana para ver se darão destaque para algum outro personagem importante e esperar para ver se Danielle Parnabaker estará de volta alguma outra vez ou se deixarão esse novo relacionamento engavetado para todo o sempre…
PS: Cadê o squint da semana, produção?
PS2: Acho que fui a única pessoa que ficou mesmo preocupada com o Sweets quando ele levou o tiro, mesmo de raspão.
PS3: Cam, não adianta, você não engana ninguém. Nós sabemos que você adora explosões.
PS4: Sensacional o estômago caindo na cara do Hodgins, melhor cena do episódio.

Nenhum comentário:

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial